No domingo, 17 de fevereiro, a Renovação Carismática Católica do Setor Guaxupé , se reuniu na Escola Barão de Guaxupé, para mais um encontro intitulado Servos Amados, contando com a participação de mais de 100 servos.

Após momento de animação e acolhida conduzido pelo Ministério de Música Moriá (Poços de Caldas), Alesio Fabricio Donizete, Coordenador do Setor Guaxupé do Ministério de Oração por Cura e Libertação, conduziu um momento forte de oração, onde o Senhor falou a todos que “busquemos as ovelhas perdidas, elas são preciosas para Deus, e devemos abrir nossos ouvidos para escutá-Lo. ”

A primeira pregação foi com a Secretária Diocesana da RCC, Rosemary de Castro Rodolfo dos Reis de Poços de Caldas, que norteou sobre o tema de 2019 que está em Romanos 5, 5: “O amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado”. E a importância do Carismático em estudar a carta aos Romanos. Logo após, foi realizado uma atividade que consistiu na leitura de 1° Coríntios, 13, onde no lugar da palavra caridade devia ser colocado o nome de cada. Ao final, foi realizada a dinâmica do Abraço de Pai.

A segunda pregação com o tema: “Eis aqui a serva do Senhor” conduzida por Fernanda Marques Proferi Nunes, de Arceburgo, Coordenadora Diocesana do Ministério de Pregação através de Atos dos Apóstolos 1. Ela alertou sobre a importância da presença de Maria em nossos Grupos de Oração, especialmente quanto ao sim de Maria. Muitas vezes nós servos só murmuramos e reclamamos em nosso grupo de oração e não vemos e exemplo de Maria que nunca reclamou diante das dificuldades, finaliza.

Após almoço, todos os presentes puderam assistir um breve vídeo comemorativo pelos 50 anos da Renovação Carismática Católica e Padre Reginaldo (Guaxupé) refletiu a caminhada da RCC no Brasil e nos deixou três pontos essenciais que não podemos esquecer: 1ª Palavra, 2ª Oração e 3ª Alegria.

A terceira pregação teve como tema: “Amar Jesus como Ele nunca foi amado”, com pregação conduzida pela Gláucia Del Vale Salomão (Muzambinho), nos foi passado um pouco sobre a vida de Santa Terezinha, um exemplo de vida de oração, onde desde a infância teve um amor sem medidas pelo nosso Senhor que chegava a doer seu coração de tanto amor. No evangelho de Lucas 18, 15 ao 17 reconhecemos que somos fracos.

A quarta pregação ficou por conta do Luiz Carlos Lopes, Coordenador do Setor Guaxupé do Ministério de Pregação (Muzambinho), com o tema: Jesus o servo. No evangelho de Lucas 22, 24 ao 27. Jesus nos ensina em várias passagens bíblicas a sermos servos, sem reservas, com humildade, pois se Jesus lavou os pés dos apóstolos como sinal de humildade e serviço, quem somos nós para não servir?

A quinta e última pregação, foi conduzida pela Coordenadora Diocesana, Viviane Magalhães de Oliveira, pregando com o tema: “Até aqui o Senhor nos ajudou” na carta do profeta em I Samuel 7. Pontos que não podemos deixar: voltar o nosso amor a Deus, a dignidade, a integridade, a santidade, a vida de oração, a vocação, sermos cheios da unção de Deus e Jesus Cristo é o Senhor de nossas vidas.

O encontro encerrou com a celebração da Santa Missa.

O ministério Jovem da diocese de Guaxupé, realizou nos dias 26 e 27 de janeiro um encontro de espiritualidade voltado para lideranças de Grupo de Oração Jovem e Ministério Jovem. O evento foi realizado na cidade de Nova Rezende/MG e reuniu cerca de 25 coordenadores.

Segundo Leandro o objetivo do encontro foi promover a unidade entre os grupos de oração jovem e o ministério jovem. Para que possam caminhar juntos, traçando mesmo objeto e fortalecendo-se mutuamente.

Viviane Oliveira, presidente do conselho diocesano da RCC, ministrou a primeira pregação no sábado (26) pela manhã sobre o tema: “Não foste vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi” do evangelho de João 15,16. Dirigindo-se aos presentes afirmou ser o Grupo de Oração uma pérola preciosa para Deus, no qual Ele pegou e confiou àqueles que Ele escolheu, que são as lideranças. “Precisamos amar, pastorear e dar a vida por nossos irmãos” ressaltou.

A novidade deste encontro foi uma palestra dada por Thais, sobre “Logoterapia”. Thais faz parte do núcleo diocesano do ministério jovem, formada em psicologia e serva no grupo de oração jovem Juvecc. Logoterapia é a terapia do sentido, uma busca por saber o sentido das coisas. E, a ideia de se trabalhar este tema vem de encontro com a preocupação da RCC com o alto índice de jovens depressivos, ansiosos e com tendência ao suicídio.

Diante da promessa de Deus para a juventude carismática da diocese de Guaxupé, Tathiany Oliveira, da cidade de São Sebastião do Paraíso fez sua pregação voltada para esta profecia. Enquanto lideranças precisamos profetizar este tempo novo em nossos grupos de oração e em nosso ministério. “Essa nova primavera já começou” dizia ela.

A profecia dada ao ministério jovem é a seguinte: “Eis que farei florescer uma nova primavera nesta Diocese, que será a alegria e o ânimo da minha Igreja Diocesana. Essa Primavera se chama: Juventude Carismática Católica”

No domingo pela manhã o coordenador diocesano do ministério jovem, Leandro Marques, fez sua pregação sobre o tema: “Pai, pastor e coordenador”. O coordenador tem que ser referencial, precisa apontar o caminho e liderar pelo exemplo. Ser pai representa a figura de uma liderança protetora, que transmite segurança, abraça e corrige com amor. O pastor cuida de suas ovelhas para que elas não se percam. Já o coordenador demonstra fidelidade ao movimento, reveste-se de autoridade espiritual e administra a obra de Deus.

Lucas Reis é articulador do ministério jovem no Grupo de Oração São Judas em São Sebastião do Paraíso/MG, para ele este encontro foi muito proveitoso pois sentiu-se verdadeiramente escolhido, o que deu mais confiança para sua coordenação. “Eu me senti verdadeiramente amado, e ciente de que somente através Dele conseguiremos cumprir essa missão” nos relatou.

Para Carol Rocha, coordenadora do Grupo de Oração Jovem Resgate Radical em Guaxupé/MG, este foi um encontro que superou suas expectativas: “até o encontro sentia que estava na coordenação porque ninguém mais tinha disponibilidade. Mas, depois da pregação da Viviane tive a certeza de que o Senhor me chamou e, no encontro o Senhor me fortaleceu para enfrentar as batalhas”.

Além das pregações houve um momento de Adoração conduzido por Rose Reis, coordenadora diocesana do Ministério de Oração por Cura e Libertação.

O evento foi encerrado com Santa Missa.

Fotos

A cidade de Juruaia/MG recebeu no dia 11 de novembro, cerca de 1600 carismáticos vindos de todos os setores, para mais uma edição do Cenáculo Diocesano, promovido pela Renovação Carismática Católica da Diocese de Guaxupé. O evento foi realizado no Centro de Exposições.

Anualmente, a RCC realiza este evento com o objetivo de celebrar a unidade estre os membros e também encerrar as atividades realizadas pelos Grupos de Oração durante o ano, em nossa diocese.

Neste ano, as pregações foram ministradas por membros do núcleo diocesano da RCC. Elba Góis, coordenadora da RCC no Setor Alfenas, e Viviane Magalhães, presidente do Conselho Diocesano da RCC Guaxupé, foram as pregadoras do encontro. A música e animação do Cenáculo Diocesano ficaram por conta do Ministério Moriá, da cidade de Poços de Caldas/MG.

As atividades do dia tiveram início com a oração do Santo Terço. Em seguida, houve um momento Mariano conduzido por Rose Reis, vice-presidente do Conselho Diocesano da RCC. Durante o Momento Mariano, um andor com imagem de Nossa Senhora das Dores, padroeira da Diocese de Guaxupé, foi conduzido em meio aos participantes que, oravam e consagravam à Virgem Maria, seus ministérios, Grupos de Oração, nossa Igreja e todas as famílias.

‘Eis que estou a porta e bato’, temática que regeu os trabalhos da RCCBRASIL ao longo deste ano, foi  o tema da primeira pregação neste evento. Elba Goís enfatizou em sua colocação que “não podemos nos esquecer que tudo é graça de Deus, nada é mérito nosso”. E que, cientes dessa verdade, possamos abrir a porta de nosso coração para que a graça Dele aconteça em nosso meio.

Um dos momentos de maior alegria foi a visita de Dom José Lanza Neto, que fez um convite para que os carismáticos estejam ainda mais atuantes nas atividades missionárias que estão sendo realizadas o nas paróquias. O bispo diocesano desejou um encontro de muita oração e espiritualidade aos presentes.

Claudio Cardoso, conselheiro da RCC, conduziu um momento de oração refletindo a passagem do livro de Reis, que fala sobre a missão do profeta Elias. “Deus enviou a Elias um anjo para levantá-lo. Hoje, o Senhor não nos envia anjos, mas o seu próprio Espírito para nos colocar de pé novamente.” Diante dessa reflexão os presentes levantaram um clamor ao Espírito Santo, desejando essa efusão restauradora em suas vidas.

A segunda pregação do dia, que teve por tema, ‘Batismo no Espirito e suas consequências’ foi conduzida por Viviane Magalhães, que ressaltou a importância de sermos cheios do Espirito Santo. Pois, a partir deste transbordar do Espírito os dons se manifestarão e teremos uma sociedade mais santa e missionária.

A Adoração ao Santíssimo Sacramento foi um dos momentos ápices deste encontro. Padre Alessandro Faria, diretor espiritual do Movimento na diocese, e conduziu a Adoração. Este foi o momento de rendição e gratidão ao Senhor por todas as graças alcançadas ao longo deste ano através das atividades realizadas pelo Movimento.

A Santa Missa foi presidida por Padre Dione, pároco da paróquia São Sebastião de Juruaia/MG. Em sua homilia, falou sobre a radicalidade e a coragem de ofertar a Deus àquilo que temos. “Nessa diocese de Guaxupé, ou somos católicos missionários ou nós não vivemos a beleza do Evangelho” ressaltou.

Paralelamente ao evento, foi realizado o Cenáculo Kids, que recebeu cerca de 50 crianças que também foram evangelizadas através de atividade preparadas pelo Ministério para as Crianças e Adolescentes de nossa diocese.

Cofira Fotos e videos

O encontro diocesano de ministérios reuniu cerca de 500 pessoas na Paróquia Nossa Senhora das Graças em Passos/MG. O objetivo foi levar formação aos servos de Grupo de Oração dos sete setores da diocese.

Nesta edição foram realizados wokshop para os ministérios de Pregação, Música e Artes, Promoção Humana, Crianças e Oração por Cura e Libertação. Membros da equipe estadual dos ministérios estiveram presente para aplicar a formação.

Este encontro foi realizado em duas edições neste ano, em maio tiveram formação os ministérios de Comunicação Social, Intercessão, Formação e Oração por Cura e Libertação.

A acolhida dos participantes foi feita no salão paroquial da Igreja Nossa Senhora das Graças na manhã de sábado (22). O primeiro dia seguiu com formações e no final da tarde foi celebrada Santa Missa, presidida por Padre Alessandro, diretor espiritual da Rcc na diocese de Guaxupé.

O workshop do Ministério de Música e Artes, foi realizado no salão de eventos da Igreja Nossa Senhora das Graças e contou com a presença da coordenadora do ministério na diocese da Campanha, Ticiana que ministrou as pregações no workshop. Participaram da formação cerca de 200 servos.

Também foram realizadas oficinas de dança, baixo, bateria, técnica vocal, teclado e violão. Que foram conduzidas por Wesley Lim, Rick Bass, Luiz Claudio e Chico Batera, membros da equipe diocesana; Gabriel Roque da Diocese de Oliveira e Walace Silva da diocese de Divinópolis.

Os pregadores se reuniram no batalhão da Policia Militar. Foram cerca de 160 participantes no workshop, que foi conduzido pelo coordenador estadual do ministério, Wendell Barros. Foram passados vários direcionamentos buscando resgatar a espiritualidade do pregador de grupo de oração.

A formação do Ministério para Crianças e Adolescentes foi conduzido pela coordenadora diocesana Andreza, que trabalhou a apostila do módulo de serviço, relembrando aí a missão de servos evangelizadores. Várias discussões foram realizadas no intuito de buscar soluções para problemas levantados, como a falta de servos no ministério e local para evangelização das crianças.  No domingo foram realizadas oficinas de confecção de material para evangelização infantil. Cerca de 20 pessoas participaram do workshop.

Segundo Andreza, apesar do numero pequeno de inscrições o workshop foi uma benção, “Deus fez além do que imaginávamos. A profecia que Ele deu nos deu é de que irá ressuscitar esse ministério em nossa diocese” ressaltou.

Imaculada, coordenadora do ministério de oração por cura e libertação na diocese da Campanha veio com o seu núcleo diocesano conduzir formação para cerca de 150 ministros de oração de nossa diocese. Os participantes receberam orientações e ensinos além de orações de cura e libertação direcionadas aos servos.

O ministério de Promoção Humana é novo em nossa diocese. Fernando Begali é da cidade de Machado e assumiu a coordenação do ministério na diocese em janeiro deste ano.

As formações no workshop de promoção humana foram dirigidas no intuito de levar os 25 participantes a conhecer mais afundo sobre este ministério, sua origem e atuação dentro dos grupos de oração.

O tema de umas das formações foi a respeito dos pilares da promoção humana, que são três: acolhida, pastoreio e abraço do pai.

Os workshop aconteceram paralelamente e os conteúdos trabalhados foram muito ricos, buscando fortalecer a espiritualidade do servo dentro do grupo de oração.

Para encerrar o encontro, no domingo de manhã, Wendell Barros,  ministrou uma pregação sobre o tema: “Grupo de Oração, lugar privilegiado de missão”.

Diante do desejo do Senhor de levantar uma nova juventude, o Ministério Jovem, junto com toda juventude carismática da Diocese de Guaxupé, irá iniciar uma grande mobilização de oração, onde a juventude de cada setor ficará responsável por um dia da semana.

Domingo: SETOR ALFENAS

Segunda-feira: SETOR GUAXUPÉ

Terça-feira: SETOR PARAÍSO

Quarta-feira: SETOR AREADO

Quinta-feira: SETOR POÇOS

Sexta-feira: SETOR PASSOS

Sábado: SETOR CASSIA

Essa iniciativa tem por objetivo buscar o cumprimento da profecia dada em oração ao núcleo do ministério no inicio deste ano: “Eis que farei florescer uma nova primavera nesta Diocese, que será a alegria e o ânimo da minha Igreja Diocesana. Essa Primavera se chama: Juventude Carismática Católica”.

Dia 15 de Setembro é dia de Nossa Senhora das Dores e foi o dia escolhido pelos jovens para dar inicio a esta mobilização.

Como igreja, não recordamos as dores de Nossa Senhora somente pelo sofrimento em si, mas sim, porque também, pelas dores oferecidas, a Santíssima Virgem participou ativamente da Redenção de Cristo. Desta forma, Maria, está nos apontando para uma Nova Vida. E, por meio dela, buscamos a realização desta nova primavera.

Nossa Senhora das Dores, rogai por nós!

Nos dias 25 e 26 de agosto, a Renovação Carismática Católica da Diocese de Guaxupé promoveu o Encontro Diocesano de Lideranças. O retiro foi realizado na Associação Rainha da Paz, em Petúnia, distrito de Nova Resende/MG.

Cerca de 280 lideranças do Movimento estiveram presentes representando os sete setores pastorais. O objetivo foi formar e proporcionar momentos de profunda espiritualidade aos servos que nesse tempo atuam nas coordenações dos setores, paróquias, Grupos de Oração e ministérios da RCC.

As pregações do sábado (25), foram ministradas pelo presidente do Conselho Estadual da RCC de Minas Gerais, Mário Lúcio. Em sua primeira pregação, ele frisou que como coordenadores é necessário encontrar com Deus sempre para que a missão aconteça de acordo com a vontade dEle.

Ainda na manhã de sábado, padre Edmar, da cidade de Pouso Alegre, presidiu a Santa Missa. Em sua homilia ressaltou a importância de se colocar amor no serviço a Deus, seja qual for o chamado. “vamos continuar firmes e seguir o caminho de Deus evangelizando”, exortou.

Na primeira pregação do período da tarde, Mário Lúcio falou sobre ‘As dimensões do carisma da coordenação’. Baseado da passagem de Êxodo, capítulo 3, que narra a vocação de Moisés, enxerga-se também a nossa própria vocação, “capacidade de ir além do deserto é o que Deus vê em um coordenador. Se não crermos na realização da promessa, como que o povo do Grupo de Oração irá acreditar? Precisamos acreditar na vitória que Deus reservou para aqueles que crêem”, destacou.

A próxima pregação conduzida foi ‘Eu te constituí sentinela na casa de Israel’. Nesse momento, o coordenador estadual ressaltou que é preciso guardar Grupos de Oração para que ele não deixe de existir. “como líderes não podemos desistir até que a benção seja derramada sobre o povo que o Senhor nos confiou.”

Em seguida, foi conduzido um momento de oração e escuta profética, que revelou a moção de que “Deus inaugura uma nova primavera na Diocese de Guaxupé”.

No início da noite, Matielmes, coordenador do Ministério de Intercessão na Diocese de Guaxupé, conduziu uma oração de louvor e clamor, pedindo ao Espírito Santo que concedesse a graça de que se viva o novo que Deus estava oferecendo a cada um.

Já na noite do sábado, o último tema refletido foi ‘Se forem dóceis ao meu Espírito, vocês verão maravilhas’. Mário fez uma reflexão sobre não ‘engavetar’ as moções de Deus.

Autoridade Espiritual e humildade

No domingo (26), as pregações foram ministradas por Cleiton Oliveira, membro da equipe estadual do Ministério de Pregação em Minas Gerais. O tema da primeira pregação foi ‘Pilares de sustentação da autoridade espiritual’. Em sua fala, Cleiton trabalhou aspectos da intimidade com Deus, retidão, santidade e fé, que é a autoridade espiritual colocada na prática.

‘Cingi-vos todos de humildade, pois Deus resiste aos soberbos’ foi o tema da última colocação do Encontro de Lideranças. Nesta pregação, Cleiton ressaltou que mais importante que os servos, é aquele a qual se serve. “Muitos têm passado despercebidos em nossos Grupos porque estamos nos esquecendo de qual é a prioridade de nossas Reuniões de Oração. Precisamos nos preocupar se realmente estamos sendo resposta para aqueles que vão aos nossos Grupos”, finalizou o pregador.

Pedimos ao Espírito Santo que os nossos Grupos de Oração cresçam e que Pentecostes seja atualizado constantemente!

O Encontro Setorial do Ministério de Música e Artes reuniu cerca de 50 pessoas, entre músicos, artistas e instrumentistas de Grupo de Oração do setor Poços de Caldas.

As formações foram conduzidas pela coordenadora da Renovação Carismática Católica do Setor Alfenas, Elba. E, pelo coordenador do Ministério de Música e Artes do Setor Alfenas, Mailson.

Elba em sua formação trouxe orientações sobre o ministério dentro do grupo de oração, com o tema: ‘Ministrando a Arte com Poder no Grupo de Oração e as qualidades do Artista’, enfatizando que um ministro de música, quando é chamado por Deus, é ungido, deixa-se ser conduzido pelo Espírito Santo, tem uma conduta semelhante a Cristo e busca a santidade. “No grupo de oração, em nossa oração, apenas somos o reflexo do que somos durante a semana”, conclui Elba comentando sobre a vida de oração de um ministro de música.

“O Senhor nos chama a ser soldados de Cristo!”, afirmou Mailson em sua formação sobre o tema: ‘Artistas: Pelotão de frente’. Enfatizou ainda que, este chamado deve nos levar a buscar além das técnicas, à espiritualidade e a santidade.

Fotos

 

Entre as iniciativas está a realização de um Grupo de Oração mensal voltado para a temática da família

 

Ministério para as Famílias é o serviço, dentro do Grupo de Oração da Renovação Carismática Católica, responsável pela evangelização, acompanhamento e formação das famílias.

Segundo o Documento de Aparecida: A família não é uma mera instituição natural; antes, faz parte do projeto do Criador (cf. Gn 1,27), de modo que “pertence à natureza humana que o homem e a mulher busquem um no outro sua reciprocidade e complementaridade” (n. 116). Na plenitude dos tempos, o Filho de Deus assumiu a nossa natureza humana e, “optando por viver em família em meio a nós, a eleva à dignidade de ‘Igreja doméstica’” (n. 115). O amor conjugal “é assumido no Sacramento do Matrimônio para significar a união de Cristo com sua Igreja” (n. 117; cf. 175g; 433s).

É na família que a pessoa “descobre os motivos e o caminho para pertencer à família de Deus” (n. 118).

A Renovação Carismática Católica da Diocese de Guaxupé, sentido a necessidade de um trabalho específico voltado para as famílias, após discernido foi implantado o “Ministério para as Famílias”, o qual é desenvolvido como qualquer outro ministério dentro do Movimento. Seu objetivo principal é evangelizar dentro de nossos Grupos de Oração.

Para que o ministério se tornasse atuante em sua plenitude na Diocese de Guaxupé, desde janeiro de 2018, o casal coordenador Irene Marcelino e Antônio Carlos, juntamente com o núcleo de serviço buscou conhecer e estudar como se dá a estruturação deste ministério.

O primeiro passo foi participar do Encontro Nacional de Formação para Coordenadores e Ministérios (ENF 2018), oferecido pala RCCBRASIL. Desde evento se trouxe os direcionamentos de como se trabalhar, entre eles a realização de, em um dia no mês em todos os Grupos de Oração da diocese,  de um Grupo voltado para as famílias com pregação, acolhida, música e orações todas desenvolvidas dentro do tema.

Após escuta do Senhor foi definido que em toda última semana de cada mês  esse projeto se realize em toda diocese. A coordenação diocesana teve o cuidado de se reunir com os coordenadores setoriais para rever a situação familiar nos dias de hoje e a adesão foi unânime, inclusive com o apoio da coordenação diocesana da RCC.

Além desse trabalho, os membros do Ministério também estão fazendo visitas aos lares, buscando passar por todas as casas dos coordenadores e servos da diocese, motivando aos encontros para as famílias em sua totalidade.

“ É na família onde aprendemos a abrir-nos aos outros, a crescer em liberdade e paz” – Papa Francisco

‘Seduziste-me, ó Senhor, e eu me deixei seduzir’ (Jeremias 20, 7) foi o tema do encontro Rebanhão da Juventude, realizado na casa de encontros Vila Betânia, em Machado. Aproximadamente 140 jovens participaram das atividades.

O evento, que neste ano chega a sua décima edição, é organizado pela Renovação Carismática Católica da cidade, e tem por objetivo rebanhar jovens que encontram-se afastados da Igreja e levá-los a ter uma experiência com o Amor de Deus.

Dessa vez, o encontro contou com a presença do Ministério de Música e Dança Moriá, da cidade de Poços de Caldas. A programação se iniciou na sexta-feira à noite, com um momento mariano ‘O colo de Mãe’. Foi uma dinâmica de oração com intuito de levar os jovens a se abandonarem verdadeiramente no colo de Maria.

No sábado, o dia se iniciou com um momento de oração, ministrado por Marcos Cruz, membro do Grupo de Oração Jovem PHN. A programação se estendeu durante todo o dia com momentos de oração e pregação, conduzidos pelos pregadores do Grupo de Oração Jovem JUCA, também de Poços de Caldas.

No domingo, o retiro teve início com uma oração, conduzida por Elisabeth Roque, do Grupo de Oração Grão de Trigo, da Paróquia São José, de Machado. Em seguida, houve um momento de pregação.

Padre Pedro Alcides, da Paróquia Sagrada Família e Santo Antônio, celebrou a Santa Missa no sábado e no domingo, momento que encerrou o encontro.

 

Nos dias 21 e 22 de abril, os servos da Renovação Carismática Católica da cidade de Machado, reuniram-se na casa de encontros Vila Bethânia, para um retiro de reabastecimento espiritual.

O encontro se iniciou no sábado pela manhã, com um momento mariano e logo em seguida, a celebração da Santa Missa, presidida por Padre Rovilson.

A programação se estendeu com muita oração e palestras, conduzidas por Padre Pedro e Padre Rovilson, respectivamente pároco e vigário da Paróquia Sagrada Família e Santo Antônio e, por outros pregadores de Grupo de Oração da cidade.

No sábado pela manhã os participantes receberam uma pedra, que simbolizava tudo que de desnecessário carregamos em nossa caminhada, falta de perdão, vícios, desânimos, mágoas, etc. Durante todo o encontro foi trabalhado esta temática lembrando-os a todo momento da pedra que estavam carregando.

O domingo se iniciou com um momento de oração em comunidade. Logo após Rainério do Grupo de Oração Cenáculo de Maria conduziu uma pregação sobre o tema: “Pois é pelo fogo que se experimento o ouro e a prata” Eclo, 2:5. E, ao final do encontro, num ato de renúncia, a pedra que acompanhou os participantes durante o encontro foi colocada aos pés da Virgem Maria.

Este retiro foi realizado em unidade com as duas Paróquias da cidade, Paróquia Sagrada Família e Santo Antônio e Paróquia São José e, reuniu cerca de 160 participantes.